Independiente Del Valle surpreende Corinthians e sai em vantagem nas semifinais da CONMEBOL Sul-Americana

Equatorianos quebram invencibilidade de 14 jogos do Timão, vencem por 2 a 0 e decidem em casa a vaga para a final

Fora de casa, o Independiente Del Valle pulverizou uma das maiores invencibilidades da história da CONMEBOL Sul-Americana. Mais do que isso: ficou também mais perto da final do torneio.

Com gols de Gabriel Torres, o time equatoriano bateu o Corinthians por 2 a 0, nesta quarta-feira (18), na Arena Corinthians - confira detalhes e números do duelo. O time paulista vinha de 14 jogos sem perder na competição - a última derrota havia acontecido em 2007. 

A partida de volta será no dia 25 de setembro, às 21h30 (de Brasília), no Estádio Olímpico Atahualpa, em Quito, no Equador. Ao lado da torcida, o Del Valle poderá perder por até um gol de diferença para se garantir na decisão. Já o Timão precisará de um triunfo por três ou mais gols de vantagem para reverter o quadro.

A outra semifinal da Sul-Americana será entre Colón e Atlético-MG, que se enfrentarão pela primeira vez nesta quinta-feira (19), às 21h30, em Santa Fé, na Argentina. A final, em jogo único e campo neutro pela primeira vez na história, será em 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai.

O jogo

As equipes mostraram intensidade nos minutos iniciais do primeiro tempo, e o Del Valle chegou a marcar aos 10 minutos, mas a arbitragem apontou impedimento de Dájome. Aos 18, em um dos poucos ataques eficientes do Corinthians na etapa, Mateus Vital acertou a trave em chute colocado.

O Corinthians perdeu intensidade antes do intervalo e acabou castigado em casa. Aos 44 minutos, uma bola rebatida na defesa sobrou para Gabriel Torres, livre na área, tocar na saída de Cássio, gol confirmado após o uruguaio Leodán González receber o auxílio do árbitro de vídeo (VAR).

O técnico Fabio Carrile promoveu duas substituições na volta para o segundo tempo: Matheus Jesus e Gustavo nos lugares de Gabriel e Clayson. O Timão melhorou e passou a dominar as ações, mas não converteu o bom momento em gols.

Pior: no contra-ataque, o Del Valle levou ao perigo e anotou o segundo gol, novamente com Gabriel Torres, aos 69 minutos.

Fechar