Atlético-PR e Junior duelam por primeiro título internacional de suas histórias

Equipes empataram em 1 a 1 no jogo de ida da final, em Barranquilla. Se a igualdade persistir na Arena da Baixada, a decisão irá para as penalidades

Chegou a hora de conhecer o campeão da CONMEBOL Sul-Americana 2019. Atlético-PR e Junior Barranquila disputam a finalíssima nesta quarta-feira (12), às 21h45 (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba. No jogo de ida, na Colômbia, deu empate por 1 a 1. Como não há gol qualificado, quem vencer a partida de volta ficará com a taça. Se a igualdade persistir no tempo normal e na prorrogação, a disputa será decidida em cobranças de pênaltis.

Para ambos, estará em jogo também a chance de conquistar o primeiro título internacional de suas histórias. O Furacão esteve próximo desse momento de glória em 2005, quando chegou à final da Copa CONMEBOL Libertadores, mas foi derrotado pelo São Paulo.

Para o Junior, é uma decisão inédita em 94 anos de fundação. Foram 14 participações na Libertadores e quatro na Sul-Americana sem conseguir chegar à decisão.

Melhor campanha da competição, com oito vitórias em 11 partidas e apenas uma derrota, além de ser o ataque mais efetivo, com 21 gols, o Atlético trata a presença de um de seus artilheiros, o atacante Pablo, como mistério. O camisa 5 deixou o jogo de ida da final com dores na panturrilha minutos após anotar o gol dos paranaenses em Barranquilla.

Já o Junior deve ter à disposição novamente o atacante Teo Gutierrez, desfalque na primeira partida decisiva por cumprir suspensão.

Fechar